Associadas | Câncer de mama
- - -
Home > Notícias > FEMAMA participa do lançamento da campanha Outubro Rosa do Congresso Nacional

 

FEMAMA participa do lançamento da campanha Outubro Rosa do Congresso Nacional

 

Fonte: Sindilegis

Fonte: Sindilegis

02/10/2017

Na próxima terça-feira (03), as luzes do Outubro Rosa serão acesas às 18h no edifício do Congresso Nacional. A FEMAMA estará presente através da sua Coordenadora de Relações Institucionais e Advocacy, Ana Lucia Gomes, e de Joana Jeker, presidente da Associação de Mulheres Mastectomizadas de Brasília (RECOMEÇAR), ONG associada à Federação no Distrito Federal.

A solenidade será realizada no Salão Negro e marcará o início do mês que sempre traz vários eventos alusivos ao combate do câncer de mama e outros tipos da doença. Procuradora Especial da Mulher do Senado desde 2013, a senadora Vanessa Grazziotin afirmou que as atividades têm o objetivo de sensibilizar a população para o problema. “Todos estão convidados a fazer, cada um, a sua parte na prevenção do câncer de mama. Por isso a Procuradoria da Mulher do Senado une esforços com a bancada feminina e diversas entidades parceiras para colocarmos em pauta a importância do autocuidado, do diagnóstico precoce e do tratamento humanizado” ressaltou a senadora.

A diretora-geral do Senado, Ilana Trombka, lembrou que já é tradição do Senado - uma parceria da Diretoria-Geral (Dger) e da Procuradoria da Mulher, além de outros órgãos de apoio, participar do movimento Outubro Rosa no combate ao câncer de mama.

“Na prática, o mérito da prevenção ao câncer de mama é indiscutível. Haverá atividades de esclarecimento e também uma consulta médica com realização de uma mamografia. Queremos enfatizar a importância de as mulheres, a partir dos 40 anos, fazerem a mamografia e, na hipótese de uma neoplasia maligna, ter o problema diagnosticado num primeiro momento, quando as chances de cura são bem maiores” ressaltou Ilana.

A diretora-geral destacou também que no dia 7 de outubro haverá o Desfile Glamoroso, com mulheres diagnosticadas com câncer de mama, no Pontão do Lago Sul. “As histórias dessas mulheres são inspiradoras. É uma lição de vida elas passarem por isso e estarem sorrindo. Então por que não nós nos mobilizarmos por uma causa que é de toda a sociedade?”

O evento de abertura contará com a apresentação, pela Escola de Balé Etude Seasons, de uma adaptação do 3º ato do balé A Bela Adormecida, de Tchaikovsky, com direção de Maria Poggi, mentora da Royal Academy of Dance.

Outubro Rosa do Congresso Nacional é uma iniciativa da Procuradoria da Mulher (ProMul), Diretoria-Geral (Dger), Observatório da Mulher contra a Violência (OMV), Comitê de Gênero e Raça, Programa Pró-Equidade de Gênero e Sistema Integrado de Saúde (SIS). A Secretaria da Mulher e o Departamento Médico (Demed) da Câmara dos Deputados também participam da organização.

No dia seguinte (4), um seminário vai debater a implementação da Lei 12.732/2012 – conhecida como Lei dos 60 Dias –, que determina um prazo de até 60 dias a partir do diagnóstico para que pacientes com câncer iniciem o tratamento. A Frente Parlamentar de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer e a Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara são as organizadoras do evento, que acontece às 14h no Plenário 3 do Anexo 2 da Câmara.

Terceirizadas
Como parte das ações do Outubro Rosa, o SIS destinará 150 vagas para mulheres com 40 anos ou mais que prestem serviço terceirizado ao Senado. A intenção é investigar a possibilidade de existência do câncer de mama por meio de um atendimento inicial (triagem), realização da mamografia e consulta com mastologistas. Após o atendimento inicial, no dia 9 de outubro, o exame será feito no Hospital Regional da Asa Norte (HRAN). O cadastro para o atendimento inicial será realizado de 2 a 5 de outubro, das 8h ao meio-dia e das 14h às 18h, nos ramais 5025 e 3065 ou pessoalmente na Sala 13 do SIS.

As 150 colaboradoras serão atendidas no dia 9 de outubro, das 9h às 15h, no prédio do Serviço Médico, pelos dois mastologistas do Senado, Martinho Cândido e Daniele Carvalho, e ainda pelo médico Carlos Marino, da Sociedade Brasileira de Mastologia/Regional DF. Coordenadora-Geral de Saúde da Secretaria de Gestão de Pessoas (Segp), a doutora Daniele detalha o objetivo da ação realizada pelo SIS.

“A consulta e encaminhamento para mamografia têm a função de chamar atenção para a detecção precoce do câncer de mama, um dos principais objetivos das ações do Outubro Rosa” explicou a servidora.


Compartilhe:

Notícias relacionadas