Associadas | Câncer de mama
- - -
Home > Notícias > Entenda por que a atividade física reduz risco de câncer de mama

 

Entenda por que a atividade física reduz risco de câncer de mama

 

Fonte da imagem: Running Wacth Reviews

Fonte da imagem: Running Wacth Reviews

03/02/2011
A adoção de hábitos saudáveis, como corrida e caminhada traz benefícios à saúde da mama, pois diminui a possibilidade de alterações no equilíbrio hormonal endógeno

Em fevereiro comemora-se o Dia da Mamografia e do Atleta no Brasil, dias 5 e 10, respectivamente, e a FEMAMA (Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama) aproveita para lembrar as mulheres sobre a importância da atividade física na prevenção ao câncer de mama. Um estudo elaborado e divulgado recentemente pela Universidade de Regensburg, na Alemanha, constatou que das 95.396 mil mulheres pesquisadas durante um período de 20 anos, as que praticavam caminhada regularmente tinham menos chance de desenvolver o tumor. A atividade física reduz o estrógeno no sangue, o que consequentemente diminui o risco de câncer.

Um estudo realizado pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) mostrou que a combinação do sedentarismo com o excesso de peso (ou de massa gorda) gera alterações de mecanismos fisiológicos como a formação de radicais livres, redução da capacidade de reparo do DNA, aumento do refluxo gástrico e do trânsito gastrointestinal, o que resulta no aumento da possibilidade de desenvolvimento de alterações no equilíbrio hormonal endógeno. “O ideal é que a mulher tenha hábitos saudáveis, como andar por no mínimo 30 minutos três vezes por semana, diminuir o consumo de bebida alcoólica, manter o peso adequado e não fumar. Além disso, é fundamental que a mulher acima de 40 anos faça o exame de mamografia anualmente”, recomenda Dra. Maira Caleffi, mastologista e Presidente da FEMAMA.

A recomendação de praticar alguma atividade física regularmente é válida também para os homens. A incidência de câncer de mama neles é menor, mas o cuidado com a saúde deve ser o mesmo para ambos. Aproximadamente para cada 100 casos da doença em mulheres, existe 1 em homem.

Anualmente a Fundação Susan Komen for the Cure organiza em parceria com a FEMAMA e outras entidades, a Corrida e Caminhada pela Cura. Cerca de cinco mil pessoas percorrem a Orla do Leblon, Ipanema e Copacabana, no Rio de Janeiro. Além de chamar a atenção dos governantes e da população sobre a doença, o evento é também uma forma de conscientizar a população sobre a importância da atividade física para a saúde da mulher. A corrida e a caminhada, que acontece durante o Outubro Rosa (campanha sobre a causa do câncer de mama promovida no Brasil pela FEMAMA), é realizada em mais de 127 cidades nos EUA e em outros 11 países. Para os interessados em participar do evento, consulte o site www.femama.org.br. Lembrando que as inscrições começam no próximo semestre.

Sobre a FEMAMA

A Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama, FEMAMA, é uma associação civil, sem fins econômicos, que busca reduzir os índices de mortalidade por câncer de mama no Brasil. Está presente na maioria dos estados brasileiros por meio de ONGs associadas, atuando na articulação de uma agenda nacional única para influenciar a formulação de políticas públicas de atenção à saúde da mama.

Informações para a Imprensa:

Press à Porter Gestão de Imagem
Telefone: (11) 3813-1344 ramais 28 e 32
Carolina Fogaça (carolina@pressaporter.com.br)
Juliana Domingues (juliana.domingues@pressaporter.com.br)


Compartilhe:

Mais notícias