Associadas | Câncer de mama
- - -
Home > Notícias > Conferências Nacionais recebem deputado Sérgio Vidigal para palestrar sobre PL dos 30 dias

 

Conferências Nacionais recebem deputado Sérgio Vidigal para palestrar sobre PL dos 30 dias

 

Foto: Sérgio Vidigal/Reprodução

Foto: Sérgio Vidigal/Reprodução

14/07/2017

O deputado federal pelo Espírito Santo, Sérgio Vidigal, foi confirmado como palestrante na I Conferência Nacional de Prefeitas e Governadoras e VII Conferência Nacional de Primeiras-Damas. O parlamentar, que é a favor do PL que determina que o período entre a suspeita do câncer e a confirmação dele na biópsia não ultrapasse 30 dias, é relator do projeto na Comissão de Seguridade e Família da Câmara dos Deputados.

Sérgio Vidigal é médico psiquiatra de formação e trabalhou como médico da Prefeitura de Serra (SE). Na década de 80, também foi lotado na Secretaria de Estado de Saúde do Espírito Santo. Elegeu-se vereador de Serra em 1988 e atuou como subsecretário de saúde em 1993. Elegeu-se também deputado estadual em 1994 e prefeito de sua cidade em 1996, 2000 e 2008.

Deputado federal eleito em 2014, Sérgio é membro titular da Comissão de Educação, da Subcomissão Especial da Carreira Médica e da Subcomissão de Saúde, além de suplente das comissões de Seguridade Social e Família; Viação e Transportes; Comissão Especial do Pacto Federativo; da Redução da Maioridade Penal; e Comissão Parlamentar de Inquérito das Próteses.

As conferências
I Conferência Nacional de Prefeitas e Governadoras e VII Conferência Nacional de Primeiras-Damas promoverá palestras e atividades práticas para lideranças femininas e instituições de combate ao câncer que elaborarão em conjunto, com o apoio de uma consultoria estratégica, um documento orientador com ações passíveis de serem desenvolvidas localmente. Ações realizadas pelas participantes serão posteriormente reunidas em um mapa digital de iniciativas resultantes da ação.

O encontro tem como objetivo sensibilizar e orientar as lideranças femininas quanto às reais possibilidades de influenciar a sociedade civil e promover a urgência da criação e aplicação de políticas e programas de saúde que garantam acesso, atendimento qualificado, tratamento ágil e adequado para o câncer da mulher.
 

SAIBA MAIS SOBRE O EVENTO


Compartilhe:

Notícias relacionadas