A Frente Parlamentar da Saúde promoveu, nessa terça-feira (08), sua segunda reunião no Senado, visando à regulamentação da Emenda Constitucional 29, que fixa percentuais mínimos de investimentos em saúde pela União, estados e municípios, em tramitação naquela Casa. O presidente da Frente, deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), explicou que o plenário do Senado já aprovou requerimento de urgência para a matéria e que a reunião serviu para que fosse feita uma radiografia do trabalho de mobilização e de convencimento dos senadores. A Frente Parlamentar defende a votação do projeto original, o PLP 121/07, aprovado em 2008 pelos senadores, que obriga a União a gastar o equivalente a 10% de suas receitas correntes brutas com a saúde.

Para esta quarta-feira (09) está programado um ?twittaço? na internet e representantes da Frente Parlamentar da Saúde farão visita à Plenária do Conselho Nacional de Saúde, cuja reunião será presidida pelo ministro Alexandre Padilha. ?Vamos convidar os conselheiros a visitarem o Senado e nos ajudar a convencer os senadores?, afirmou Perondi.

Segundo informaram representantes do Conselho Federal de Medicina (CFM), a entidade está promovendo reuniões e cafés da manhã com senadores e na próxima segunda-feira (14) deverá apresentar um balanço desse trabalho de convencimento. A entidade vai aproveitar o feriado da República e os próximos finais de semana para trabalhar os senadores em suas bases e não em Brasília, onde as agendas parlamentares são muito cheias. Já o Conselho Nacional de Saúde, que realizada a 14ª Conferência Nacional de Saúde, a partir do próximo dia 30, em Brasília, promete levar os cinco mil participantes para uma passeata, partindo da catedral, até o Congresso Nacional.

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) também entrou de vez no movimento pelos 10% para a saúde e estará mobilizando prefeitos e secretários municipais de saúde em todo o País, para pressionar os senadores que ainda estão indecisos. A CNM vai atualizar seu Portal na Internet e deixar bem clara a posição da entidade em favor dos 10% federais para a saúde.

TWITTAÇO E DIA DO BRANCO ? Nesta quarta-feira (09), às 16 horas, será promovido um grande ?twittaço?, com a utilização das redes sociais na internet. A ideia é espalhar na rede mundial de computadores a frase ?#10 por cento para a saude ja". No dia 15, feriado da República, está sendo programado o ?Dia do Branco?, no qual todos deverão sair as ruas vestindo branco. O que se pretende é envolver toda a população na luta por mais recursos para a saúde.

Fonte: Frente Parlamentar de Saúde