18.11.2020

Você já ouviu falar sobre mobilização social e consulta pública?

MOBILIZAÇÃO SOCIAL

A mobilização social pode ser definida como um conjunto de ações coesas com objetivos nítidos voltados para melhorias na sociedade. “O horizonte ético é o que dá sentido a um processo de mobilização. Um país explicita seu horizonte ético, seu projeto de nação, por meio da sua Constituição. Nela, ele define seu futuro, orienta suas escolhas. Quanto mais participativo tiver sido o processo de sua elaboração, mais essas escolhas refletem a vontade de todos e serão por todos compartilhadas. 

No artigo primeiro da nossa Constituição, está consagrada a nossa escolha pela democracia, tendo como fundamentos, entre outros, a cidadania e a dignidade humana. É necessário um entendimento preciso sobre o que significam essas opções.” Este trecho do livro Mobilização social: um modo de construir a democracia e a participação, de José Bernardo Toro e Nísia Maria Duarte Furquim Werneck expressa a importância de se pensar em conjunto sobre quais mudanças queremos implementadas nas leis e nas diversas decisões do poder público.

Cada um de nós pode fazer parte das tomadas de decisão que norteiam a sociedade - e isso não é um privilégio, é um direito. Você sabia que pode participar mais diretamente no processo das escolhas feitas pelos governantes por meio de consultas públicas?

CONSULTA PÚBLICA

Consulta Pública é um mecanismo de publicidade e transparência utilizado pela Administração Pública para obter informações, opiniões e críticas da sociedade a respeito de temas relevantes. Esse mecanismo tem o objetivo de ampliar a discussão sobre um determinado assunto e embasar as decisões sobre formulação e definição de políticas públicas. A intenção é tornar as ações governamentais mais democráticas e transparentes.

A Consulta Pública deve contar com a participação, tanto de cidadãos quanto de setores especializados da sociedade, como sociedades científicas, entidades profissionais, universidades, institutos de pesquisa e representações do setor regulado. É por meio da consulta pública que são recolhidas sugestões e contribuições para os processos decisórios.

Até o dia 21 de novembro está aberta a consulta pública para contribuições na atualização do Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde – Ciclo 2019/2020, cuja responsabilidade é da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), agência reguladora vinculada ao Ministério da Saúde incumbida do setor de planos de saúde. Este ciclo de atualização ocorre a cada dois anos e determina um cronograma para fixar prazos para a apresentação de novas propostas.

Se você possui plano de saúde particular, é interessante conhecer o que é decidido pelas agências reguladoras e, mais do que isso, é extremamente importante a sua participação para que tenha acesso a novas tecnologias e as deliberações abranjam um número maior de pessoas e fiquem descentralizadas de figuras políticas específicas.

A CAMPANHA “DÊ MAIS ATENÇÃO #ELAPRECISA”

A medicina personalizada é mais eficaz no tratamento, na melhora da qualidade de vida e do bem estar de pacientes com câncer de mama. Para isso, conta com uma série de novas e modernas tecnologias que auxiliam profissionais da saúde no diagnóstico e nos tratamentos.

Este é o momento para contribuir para que mais e mais pessoas com  o diagnóstico de câncer de mama tenham acesso a tecnologias inovadorasavançadas para tratamento da que tratam a doença de maneira personalizada.

Sob o mote Dê mais Atenção #ELAPRECISA convidamos você a participar da consulta pública da ANS para incorporação dessas novas tecnologias, um grande passo para que a medicina personalizada seja realidade para os usuários de plano de saúde.

Conheça mais sobre as essas tecnologias em avaliação para câncer de mama, entrando no site da campanha Dê mais Atenção #ELAPRECISA, da FEMAMA. Além de conhecer as novas tecnologias, você ainda pode contribuir ajudar na mudança de realidade de pacientes que podem se beneficiar com um tratamento personalizado para o Câncer de Mama. 

Contribua!! #ELAPRECISA

  • Foto: Freepik